Obesidade infantil

  
  A causa principal da obesidade infantil é a ingestão inadequada de alimentos e a falta da prática de atividade física, o que de certa forma, agrava a vulnerabilidade das crianças ao sobrepeso. Ela também pode ser desencadeada por fatores ambientais, além de biológicos, hereditários e psicológicos, encadeando doenças como diabetes, hipertensão arterial, colesterol e triglicérides altos, doenças coronariana, entre outras.
  Estudos apontam que, a criança obesa na puberdade tem 40% de chances de manter este quadro na vida adulta. No caso de adolescentes, esta chance aumenta para 70%.
  A orientação nutricional é fundamental, com o intuito de gerar mudanças no estilo de vida durante a fase de crescimento. Ela deve ser implantada aos poucos, e não de forma radical, também é indispensável a participação dos pais neste procedimento.
  Mais importante do que entrar no campo de restrições é fornecer uma alimentação equilibrada e nutritiva, atrelada ao estímulo da prática de exercícios físicos. 

Sem comentários.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *