Nutrição estética: Valorização do corpo e beleza através do cuidado nutricional

O padrão de beleza de corpo magro é veiculado a mensagens de sucesso, controle, aceitação e felicidade. Muitas mulheres acreditam que sendo magras, poderão alcançar seus objetivos, sendo a perda de peso a solução para todos seus problemas. Para alcançar este patamar, o hábito de fazer dietas restritivas e de consumir produtos dietéticos são uma das preocupações mais marcantes do público feminino. As relações com o corpo, assim como hábitos e práticas alimentares, também são construídas com base em determinações socioculturais. Neste contexto, a mídia exerce papel importante na construção e desconstrução de procedimentos alimentares e padrões de estética.
A educação nutricional tem função de promover o desenvolvimento de capacidade de compreensão de práticas e comportamentos resultantes da integração do indivíduo com o meio social.O nutricionista deve estar preparado para captar o estado emocional do cliente (ansiedade, nervosismo e insatisfação) declarado verbalmente ou por meio de gestos, postura, movimento do corpo, expressões faciais, qualidade da voz e o silêncio. O profissional deve, antes de tudo, saber ouvir e aceitar, criando um ambiente favorável para a construção de estratégias que favoreçam o desenvolvimento de ações pelo cliente.
Existem métodos como o TCC (Terapia cognitiva comportamental) que tem como objetivo abordar fatores emocionais e comportamentais no tratamento dos transtornos de imagem. O tratamento prevê a modificação de padrões distorcidos de raciocínio e a reestruturação de crenças supervalorizadas, associadas ao peso e à imagem corporal são focos primários. A terapia cognitiva pode ser aplicada em pacientes de diversas idades e de diferentes níveis educacionais, econômicos ou culturais, podendo ser realizada individualmente ou em grupos.
O cuidado estético tem se expandido a cada dia e,  esse processo tem um impacto negativo sobre a autoimagem. A pressão cultural para emagrecer é um elemento fundamental da etiologia dos transtornos alimentares, que interage com fatores biológicos, psicológicos e familiares. É importante mencionar que as alterações em relação à estética e à imagem corporal estão em constante evolução, necessitando assim de uma maior atenção nutricional.
O curso de extensão em Atendimento nutricional e cuidados com a pele e anexos têm como objetivo abordar questões relacionadas a estética corporal. Entenda mais sobre o assunto:
(Clique sobre a imagem para abrir o link)

 

 

Referência:
Silveira Gonçalves Zanini Witt, Juliana da; Petter Schneider, Aline. Nutrição Estética: valorização do corpo e da beleza através do cuidado nutricional. Rio de Janeiro. Setembro, 2011. Ciênc. saúde coletiva vol. 16. Abrasco

Sem comentários.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *