Dieta materna durante gestação e lactação e alergia ao leite de vaca nos lactentes

Um estudo desenvolvido na Finlândia, do tipo uma coorte prospectiva, cujo objetivo foi investigar se há associação entre a dieta materna durante a gravidez e a lactação e o desenvolvimento de alergia ao leite de vaca em crianças com até 2 anos de idade.

Foram incluídas na pesquisa 6.288 crianças nascidas entre outubro de 1997 e setembro de 2004. Os pais assinaram o termo de consentimento da pesquisa.

A avaliação dietética foi realizada através do Questionário de Frequência Alimentar (QFA) preenchido pelas gestantes e lactantes. Foram incluídas perguntas referentes ao consumo de leite, iogurte e outros produtos lácteos, como queijo, sorvete e creme de leite. Para avaliação das dietas especiais das crianças, foi feito um questionário com perguntas abertas para as crianças com 6 meses e as de 1 a 2 anos foi realizado um questionário estruturado.

Como resultado da pesquisa, foi constatado que a alergia ao leite de vaca foi mais comum entre meninos do que entre as meninas. E também ocorreu mais nas crianças em que os pais que possuem asma e rinite alérgica.

O consumo elevado de leite de vaca e seus derivados durante a gravidez e lactação foi associado a um menor risco de alergia nos filhos. Entre os filhos de mãe alérgicas, o consumo de leite durante a gravidez não foi considerado nem um fator de risco nem de proteção.

Em conclusão, pode-se associar o alto consumo de produtos de leite de vaca durante a gravidez com um menor risco para desenvolvimento de alergia ao leite de vaca, devido a provável indução específica de antígeno de tolerância.

 

Fonte: European Journal of Clinical Nutrition; 2016, v. 70, p. 554 – 559

Conheça o artigo na íntegra: http://goo.gl/sCtR9V

Escrito por:
Camila Cristina da Silva Santos
Estagiária de Nutrição

Sílvia Ramos
Nutricionista
CRN-3: 10.908

Sem comentários.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *