Câncer colorretal e o consumo de fibras

 

Câncer é um conjunto doenças que tem em comum o crescimento desordenado de células que invadem tecidos e órgãos. Estas células tendem a se reproduzir de modo agressivo e incontrolável, formando tumores malignos que podem se espalhar para diversas partes do corpo. A estimativa de novos casos de câncer para esse ano no Brasil é de 34.280, sendo 16.660 homens e 17.620 mulheres (INSTITUTO NACIONAL DO CÂNCER JOSÉ ALENCAR GOMES DA SILVA).

Dentre os tipos de tumores mais diagnosticados, estão os de colorretal (acometem o intestino grosso e o reto). Quando diagnosticado precocemente, esse tipo de tumor é tratável e até mesmo curável. De acordo com o INCA, a estimativa de incidência desse câncer para o ano de 2016, é de 16.660 em homens e 17.620, em mulheres, sendo considerados como 3º e 2º tipos mais frequentes, respectivamente.

O câncer colorretal é muito associado à estilo de vida: alimentação inadequada, sedentarismo, etilismo e/ ou tabagismo, dentre outros. Quando considerada especificamente a alimentação, sabe-se que alguns alimentos podem aumentar a probabilidade de desenvolvimento da doença, enquanto que outros são considerados protetores.

As fibras alimentares, são consideradas protetoras para o câncer colorretal. Elas possuem efeitos no organismo quanto à capacidade de retenção de água, viscosidade, fermentação, dentre outros.  As fibras insolúveis aceleram o tempo de trânsito colônico, e assim minimizam a exposição do epitélio intestinal à possíveis agentes cancerígenos. Já as fibras solúveis são fermentadas pelas bactérias do cólon e produzem Ácidos Graxos de Cadeia Curta (AGCC), como: acetato, propionato e butirato, que possuem propriedades benéficas sobre a mucosa intestinal: a diminuição do pH intracelular e colônico, com o meio mais ácido, a proliferação de organismos patogênicos é inibida.

O aumento do consumo de fibras pode ocorrer através de frutas, legumes, verduras, cereais e grãos integrais. Juntamente com as fibras, é necessário um consumo adequado de água para que elas possam desempenhar a função de forma adequada no organismo.

Para aumentar a ingestão de fibras, seguem sugestões de potes de cereais com frutas, para serem consumidos ao longo do dia:

  • Morango com chocolate e aveia
  • ½ xícara (chá) de aveia
  • ½ xícara de leite desnatado
  • ¼ xícara de morango cortados
  • 1 colher (chá) de cacau em pó
  • 1 colher (sopa) de mel
  • 1 colher (sopa) de chocolate meio amargo picado

Preparo:

Adicione a aveia, no recipiente de escolha, despeje o leite, a camada de morangos, o cacau em pó, mel e o chocolate meio amargo. Leve à geladeira até o momento de consumo.

  • Manga com iogurte e aveia
  • ½ xícara (chá) aveia
  • ¼ de leite desnatado
  • ¼ xícara (chá) de iogurte desnatado
  • ½ xícara (chá) de manga
  • 1 colher (sopa) de mel
  • 1 colher (sopa) de sementes de chia

Preparo:  Adicione a aveia no recipiente de escolha, coloque o leite e o iogurte desnatado. Adicione uma camada de manga e cubra com o mel e as sementes de chia. Leve à geladeira até o momento de consumo.

 

Dica: você pode acrescentar outras frutas, linhaça, castanhas.

Receitas adaptadas de: http://goo.gl/ExDNtY

 

Escrito por:

Camila Cristina da Silva Santos

Estagiária de Nutrição

Silvia Ramos

Nutricionista

CRN-3: 10.908

Sem comentários.

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *